Como formalizar meu negócio de personalizados?

Com certeza você já deve ter pensado em ter um CNPJ para o seu negócio de personalizados, não é mesmo? Porém, você não sabe como fazer, o quanto vai pagar, se vale a pena e tem medo, correto?



Hoje vou falar um pouco sobre esse assunto, que não é um bicho de sete cabeças e mostrar o quanto é importante se formalizar para você ter seus benefícios garantidos.

Primeiro, vou contar um pouco da minha história para vocês entenderem a importância da formalização.

Eu fui bancária por 10 anos, em dezembro de 2014 fui demitida (graças a Deus)... logo em seguida eu nem tinha pensado o que fazer da vida ainda, mas eu queria abrir algum negócio pra mim, então a primeira coisa que fiz foi me formalizar como MEI. Fiz o cadastro no site e comecei a pagar a guia mensal de tributos (INSS).
Comecei a fazer curso de designer e trabalhar vendendo minhas artes pela internet, em Abril de 2015 descobri que estava  grávida, em Janeiro de 2016 minha filhota (amor da minha vida) nasceu, e eu consegui receber o Auxílio Maternidade que me ajudou muito... Então, a dica que eu sempre dou, formalize-se, é simples, fácil e rápido.

Mas eu posso me formalizar como artesão?
Sim, na lista de ocupação tem a opção de Artesão de papel independente.

- O que é o MEI?

Microempreendedor Individual é alguém que trabalha por conta própria, porém legalizado, com faturamento de até R$ 81 mil por ano, ou seja, R$ 6.750,00 por mês.

- Quais são seus direitos e obrigações:

Diretos e benefícios:
- Aposentadoria por idade;
- Aposentadoria por invalidez;
- Auxílio doença;
- Salário-maternidade;
- Pensão por morte (para a família).

Vantagens:
- CNPJ - mais facilidade para comprar de fornecedores, fábricas, etc;
- Acesso a produtos e serviços bancários, como crédito;
- Pode emitir nota fiscal (não é obrigatório);
- Baixo custo mensal de tributos (INSS, ISS ou ICMS) em valores fixos.
- Acesso e apoio técnico do SEBRAE.

Obrigações:
Pagar em dia a contribuição mensal de tributos e fazer uma vez ao ano a declaração anual de faturamento.

- Quanto vou pagar por mês?

R$ 47,00 (INSS) + R$ 1,00 (comércio e indústria) ou R$ 5,00 (prestação de serviços).

- Como eu faço para me formalizar?

Você não precisa contratar nenhum contador para fazer a formalização, você mesmo pode fazer o cadastro no site, é só seguir o passo a passo abaixo.

Entre no site www.portaldoempreendedor.gov.br

Passo a passo da formalização:

1. Clique ou pressione o botão Formalize-se;
2. Insira o número do CPF e data de nascimento;
3. Insira o número do Título de Eleitor;
4. Digite os caracteres solicitados;
5. Preencha os formulários com os dados solicitados;
6. Você receberá um código por SMS no telefone celular cadastrado, que será utilizado para confirmar o processo de abertura;
7. Insira o código recebido e confirme a inscrição.

Pronto! 

Obs.: Após a formalização você deve pagar apenas a taxa de tributos DAS no valor mencionado acima. Pode ser que você receba algum boleto de associação ou sindicato, não pague!

Constituição Federal
Art. 5° - Inciso XX - Ninguém poderá ser compelido a associar-se ou a permanecer associado.

Então, não precisa se preocupar, se receber boletos de associação ou sindicato, rasgue e jogue fora e fique tranquila (o) que não tem problema de sujar o nome, etc...

Espero ter ajudado! ❤❤❤



Como formalizar meu negócio de personalizados? Como formalizar meu negócio de personalizados? Reviewed by Personalika Design on maio 11, 2018 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.